Tempo de Leitura: 4 minutos

Afinal, como um Programa de Eficiência Energética baseado na ISO 50001 pode ajudar a minha empresa?

A cada dia que passa no mundo corporativo, o maior desafio das empresas é obter o maior rendimento em todos os seus processos, ou seja, ser mais eficiente.

Ou seja, obter mais resultados com menos recursos, incluindo financeiros, matérias, humanos, etc.

Consequentemente, aumentando o seu rendimento, ou seja, aumentando a sua Eficiência Energética.

Qualquer atividade da prestação do serviço e / ou de um processo produtivo somente é possível com a utilização intensiva de alguma forma de energia, seja ela energia luminosa, energia térmica, energia elétrica, etc.

No que diz respeito exclusivamente a energia elétrica, a forma de energia mais utilizada, sua principal forma de utilização é transformá-la em outras formas de energia, como energia luminosa (atividades de iluminação), energia motriz ou mecânica (equipamentos pelos motores elétricos), energia térmica (caldeiras, aparelhos de ar condicionado, refrigeradores, etc.).

Como parte da energia elétrica utilizada em cada atividade para a realização do seu trabalho é perdida, é preciso ter atenção ao modo como a energia está sendo utilizada para que seja possível a redução dos custos com esse insumo.

Assim, por definição, eficiência energética consiste da relação entre a quantidade de energia empregada em uma atividade e aquela disponibilizada para sua realização.

Ou seja, a eficiência energética é uma atividade que busca melhorar o uso das fontes de energia.

O uso racional da energia elétrica também pode ser tido como uma definição de eficiência energética, pois a utilização da menor quantidade de energia possível, tanto tecnicamente quanto economicamente, para a obtenção de produtos e serviços através da eliminação de desperdícios e uso de equipamentos mais eficientes.

Além de equipamentos tidos como mais eficientes também se torna necessário o uso de ferramentas adequadas de Gestão de Eficiência Energética, para que os investimentos em tais equipamentos possam ser administrados de maneira consistente e sistemática, para permitir que os resultados possam ser obtidos.

programa-eficiencia-energetica-elementhus-min

Em 5 passos, a ELEMENTHUS estabeleceu uma sistemática que garante que a implantação de um Programa de Eficiência Energética com base na ISO 50001:2018 na sua empresa, independente do porte da mesma, pequena, média ou grande, capaz de permitir a redução dos custos da Energia na sua Empresa:

Passo 1 – Gestão Proativa

A postura da Alta Liderança da sua organização em implantar ações baseadas em um planejamento consistente, antes da ocorrência dos eventos indesejáveis, ou seja, a busca de ações preventivas antes que os problemas ocorram depende fundamentalmente da Gestão da Liderança da sua empresa.

A Eficiência Energética nas pequenas, médias e grandes empresas é aprimorada continuamente pelo uso sistemático de ferramentas de gestão que permitem aperfeiçoar a gestão energética.

Passo 2 – Planejamento Energético

A ISO 50001 promove a melhoria da Eficiência Energética da sua empresa através conhecimento real do seu perfil de consumo de energia, quais os processos que consomem mais energia, quais os principais equipamentos que consomem energia.

Esta estratificação do processo de medição do consumo de energia complementa aquela conta de energia apresentada pela distribuidora de energia não traz estas informações suficientes para você avaliar o consumo de energia da sua empresa.

A boa prática de gestão da identificação das principais variáveis que influenciam o consumo de energia para levantar uma série de dados históricos, com o objetivo de estabelecer uma linha de base energética com apoio de ferramentas estatísticas.

Com esta linha de base energética estabelecida, sua organização irá prever o consumo da energia em função das variáveis históricas que influenciam o consumo e tomar decisões estratégicas que busquem aumentar a eficiência energética da empresa e consequentemente, reduzir o custo de energia elétrica no orçamento.

O estabelecimento de objetivos e metas energéticas que buscam a melhoria contínua no uso de fontes de energias mais eficientes como as fontes renováveis, como a Energia Solar, a cada dia que passa se torna mais acessível pela aquisição de painéis.

programa-eficiencia-energetica-elementhus-min

Passo 3 – Operação Energética

Sua empresa deve avaliar as condições operacionais dos seus principais equipamentos buscando identificar se os mesmos encontram-se dentro da Eficiência Energética planejada para suas condições operacionais reais.

É de fundamental importância garantir o envolvimento dos colaboradores nas atividades operacionais e mesmo administrativas esteja acontecendo, ou seja, que os operadores das máquinas estejam usando dentro das condições pré estabelecidas e que os funcionários das áreas administrativas estejam utilizando os sistemas de iluminação e de refrigeração da maneira adequada.

Passo 4 – Monitoramento Energético

É importante garantir que seja estabelecida medições das variáveis energéticas adequadas dentro de uma frequência que permita avaliar se as ações planejadas para implementação da Gestão da Eficiência Energética estão ocorrendo conforme planejado.

Outro fator importante é o monitoramento dos requisitos legais, o que garante a sua empresa esteja cumprindo todos requisitos legais e contratuais estabelecidos junto as concessionárias de Energia Elétrica, evitando o custo de multas em contas de energia elétrica, por não obediência a demanda contratada junto aos concessionários ou, por exemplo, pelo não atendimento do fator de potência.

Passo 5 – Análise Energética

Em intervalos planejados, a Liderança deve avaliar o Programa de Eficiência Energética, identificando os pontos positivos e as oportunidades de melhorias necessárias para promover a Eficiência Energética dentro da sua empresa.

Com isto, a implantação de um Programa de Eficiência Energética é um projeto com retorno garantido, principalmente para pequenas, médias e grandes empresas pois promove a eficiência energética, reduzindo o custo deste insumo essencial as organizações.

programa-eficiencia-energetica-elementhus-min