Tempo de Leitura: 5 minutos

Decerto cultivar a cultura da gestão orientada para resultados consiste em alguns passos como:

Coletar, organizar e analisar os resultados da empresa fazendo-os trabalhar a favor do sucesso da organização.

Então neste artigo vamos abordar 5 passos que permitirão que a sua empresa implemente a gestão focada em resultados.

Portanto, acompanhe:

#1. Defina os indicadores necessários para acompanhamento dos resultados

“Não é possível acompanhar aquilo que não se mede!” Já diziam Peter Drucker e também Joseph Juran.

Por isso, é necessário definir os indicadores necessários para acompanhamento dos processos estratégicos e operacionais da sua organização.

Como o próprio nome sugere os indicadores irão apontar as “dores” da sua organização e os resultados da operação executada pela mesma.

Sob o mesmo ponto de vista, neste artigo eu falo dos principais tipos de indicadores que você pode adotar para a sua empresa: Indicadores: O que são e como podem ser úteis para a sua empresa?

Os indicadores operacionais estão relacionados ao processo de execução do negócio.

E esses refletem resultados de áreas específicas da empresa e que estão ligadas a operação.

Visto que são exemplos de Indicadores Operacionais:

Indicador de produtividade, Eficiência e Eficácia, Qualidade, Competitividade, Rentabilidade, Cumprimento de metas e etc.

Os indicadores estratégicos estão relacionados à estratégia do negócio definida pela diretoria.

Logo que verificam o cumprimento das metas estabelecidas para o planejamento estratégico.

Os mesmos irão apontar se a empresa está caminhando na direção certa para atingir o objetivos almejados pela alta direção.

Já que os indicadores estratégicos estarão interligados com o Planejamento Estratégico.

Assim como refletirão os resultados dos objetivos e metas definidos no mesmo.

Inclusive, tem outros dois termos que causam uma confusão no mercado:

Modelo de gestão e modelo de negócio. Se você clicar no link, você consegue ler outro texto meu sobre isso.

 

#2. Construa séries históricas de resultados

Construir séries históricas para análise dos resultados permitirá ter um comparativo da evolução da empresa ao longo do tempo.

Dessa forma torna possível a tomada de decisão de forma assertiva e alinhada com as tendências apresentadas pelo negócio.

Bem como a análise dos resultados ao longo do prazo permite identificar quais os períodos em que a empresa apresentou melhor desempenho.

Com a finalidade de identificar a estratégia que gerou resultados mais favoráveis.

 

#3. Mantenha os indicadores atualizados

Além de acompanhar os resultados ao longo do tempo é importante ao término de cada mês realizar a atualização e acompanhamento dos indicadores.

Em suma essa ação fará com que você esteja sempre atento e respondendo prontamente às variações identificadas.

Portanto é importante conhecer as séries históricas de resultados para gerar insights e lições para aplicar no presente.

Mas vamos combinar que corrigir o rumo imediatamente após o deslize é melhor ainda!

indicador-eficiencia-thiago

#4. Compartilhe os resultados com a equipe

As pessoas que trabalham com você contribuem e influenciam no alcance dos objetivos e metas.

Dessa forma, é muito importante que estejam cientes dos resultados dos indicadores, assim todos os envolvidos saberão como agir para maximizar os resultados e corrigir eventuais desvios de rota.

Realizar reuniões com a equipe para compartilhamento de resultados e obtenção feedback ou realização de um brainstorm (espécie de tempestade de ideias onde toda a equipe pode opinar sobre um tema específico) são essenciais para  a implementação e disseminação da cultura de resultados na organização.

 

#5. Faça análises críticas para tomada de decisão

Além das reuniões com a equipe é fundamental que a diretoria da empresa realize periodicamente análises críticas para tomada de decisão.

A princípio o melhor momento para isso é logo após a realização da reunião mensal.

Pois com base nos resultados dos indicadores operacionais e estratégicos e das ideias e soluções propostas pelos colaboradores, o gestor terá subsídios para tomada de decisão.

Assim sendo alguns requisitos essenciais para a realização de uma análise crítica eficaz:

Possuir indicadores precisos e relacionados a todas as áreas da organização

Assim, você evita análises incompletas e superficiais.

Por exemplo: Ao analisar apenas os indicadores financeiros  ver o volume de despesas e resolver brecar todos os gastos sem analisar o contexto da organização fará com que a empresa deixe de atender as necessidades de investimentos e melhorias para manutenção da qualidade.

De acordo com este mesmo exemplo aplica-se a outras áreas da organização que quando olhadas de forma isolada irão produzir tomadas de decisão equivocadas.

Elaborar uma pauta de reunião e registrar os resultados em ata

Com isso, você garante a manutenção do foco e o correto direcionamento dos trabalhos de análise crítica.

É essencial a elaboração da pauta de reunião, onde será planejada a reunião e os tópicos que serão abordados na mesma de forma a evitar fugas do objetivo esperado.

Desse modo, todas as decisões, ações planejadas e pendências da reunião devem ser  inseridas na Ata de reunião.

Como forma de registro e controle das decisões e informações produzidas ao longo da reunião.

O resultado final da reunião de análise crítica deve ser o plano de ação com todas as ações derivadas da identificação das necessidades de melhoria e lacunas existentes na organização observadas por meio da análise dos indicadores.

 

Benefícios da Implementação da cultura orientada para resultados

Não há dúvidas acerca dos benefícios da implementação da cultura de resultados na organização. Dentre eles podemos destacar:

  • Maior assertividade na tomada de decisão;
  • Aumento da amplitude de controle e visão sistêmica por parte dos tomadores de decisão;
  • Identificação e contenção de lacunas na gestão;
  • Melhoria no desempenho e resultados;
  • Maior engajamento dos colaboradores com os resultados;
  • Melhoria na comunicação organizacional
  • Ampliação do engajamento dos colaboradores  por meio do estímulo a participação nas tomadas de decisão.

Vamos fazer na prática!

Faça o download da planilha de Indicadores aqui embaixo, selecione os resultados mais relevantes a serem acompanhados na sua organização e em seguida defina os indicadores. Por exemplo: Produtividade, Rentabilidade, Lucratividade, Satisfação do cliente, Índice de Reclamações e etc.

Colete resultados de 03 a 05 anos referentes a estes indicadores, na aba gráficos faça a análise dos resultados verificando como os números se comportaram ao longo desse tempo.

Em seguida busque identificar os fatos que ocorreram ao longo desse período que fizeram com que fossem alcançados estes resultados.

A resposta para estes questionamentos dará subsídios para saber quais as estratégias poderão ser repetidas e quais deverão ser evitadas para que o negócio tenha um melhor desempenho.

Com base nos resultados tome as decisões necessárias para alinhar a estratégia do seu negócio rumo ao sucesso.

Ajude outras pessoas a tornar a gestão das empresas mais forte nesse país!

Se você se identificou com as questões passadas neste artigo aplique as dicas e utilize a planilha na sua organização. Ou se você conhece gestores que ainda não implementaram a cultura por resultados compartilhe este artigo com ele.

Você poderá fazer mais por sua empresa e ainda ajudar outras pessoas a alavancarem seus negócios.

O crescimento do país passa pelo fortalecimento da gestão das empresas.

Te vejo no próximo artigo e se quiser saber mais passa no blog da Implantta Consultoria. 🙂

indicador-eficiencia-thiago